Grand Guilds

Como todo bom fã de SRPG e jogos de estratégia em geral, vasculho cada canto da internet por joias raras ou joias brutas. Uma das que eu tenho acompanhado nos últimos meses é Grand Guilds, que teve seu lançamento confirmado para 26 de março no Steam e Nintendo Switch. Valor ainda não foi divulgado.

Oriundo de uma campanha do Kickstarter realizada em março de 2019. Grand Guilds pega o estilo de SRPG e estratégia em turnos com visão isométrica e mistura com um sistema de cartas. Antes que fale “Mas Slay the Spire!”. Não é assim que Grand Guilds funciona, é mais uma mistura de construtor de decks como Steamworld Quest do que geração procedural de dungeons.

O ritmo da narrativa também tenta se equivaler aos RPGs orientais, com bastante ênfase na construção de personagens e ritmo de narrativa. Espere um vilão que quer destruir o mundo, guildas que se unem para combater o mal e todo aquele dramalhão típico.

Meu interesse mesmo fica para o combate de Grand Guilds, que, visto pelo trailer de lançamento permanece tão rápido e variado quanto a demo que joguei no período do Kickstarter. Espero que o sistema de construção de decks seja complexo e não mais uma desculpa de “aqui está um bando de magias, organize-as” como foi o caso com games com OverDungeon.

SRPG Grand Guilds sai 26 de março no Switch e Steam

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.