Wrath of the Righteous

Em nota, a Owlcat Games anunciou que – muito como o seu CRPG anterior – “Pathfinder: Wrath of the Righteous” estará disponível para PlayStation 4/5, Xbox e Switch (versão cloud) a partir de 29 de setembro. Quem tem o game no PC receberá uma versão “Enhanced” e suporte a controle na mesma data.

Entretanto, como é costumeiro com os jogos da Owlcat Games, os jogadores de PC serão os primeiros a receberem o terceiro e até então último DLC do passe de temporada — “Treasure of the Midnight Isles”, ele está previsto para 11 de agosto.

Poucas informações foram divulgadas até então sobre “Treasure of the Midnight Isles”, mas ao que tudo indica este é o DLC mais “ambicioso” para “Wrath of the Righteous”. Ele se passa em um arquipélago separado do mapa “original” do game e pode ser jogado tanto em um modo campanha em um modo “rogue-like”.

Para quem se desespera em ler “Modo Rogue-like” em um CPRG como “Wrath of the Righteous”, vale apontar que é a interpretação moderna do estilo com melhorias graduais ao invés do estilo “tradicional”. Ou seja, mesmo que você seja derrotado, irá fazer algum progresso na história ou no mapa. É uma implementação no mínimo interessante pra um CRPG.

 “Wrath of the Righteous” tal como “Kigmaker” teve lá os seus altos e baixos. Um lançamento conturbado, dezenas de atualizações até que várias quests fossem corrigidas, DLCs que funcionavam em uma atualização e deixavam de em outra. Que por favor a nova edição seja o ponto final dessa montanha russa e que o próximo projeto da Owlcat – “Warhammer 40K: Rogue Trader” não sofra disso.

Veja o trailer de “Treasure of the Midnight Isles” abaixo:

“Pathfinder: Wrath of the Righteous” é confirmado para setembro nos consoles

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.