“Será que devo pegar outro jogo de gerenciamento / sobrevivência sendo que eu sequer joguei o último?” é uma pergunta que ando fazendo mais do que o normal ultimamente. Com o anúncio de que “Land of the Vikings” da Iceberg Interactive vai entrar em acesso antecipado em 8 de novembro por US$19,99 creio que a resposta seja sim.

Em produção pela Laps Games, “Land of the Vikings” segue o tradicional modelo de misturar elementos de sobrevivência / microgerenciamento de habitantes com uma temática viking. O destaque do jogo fica não só para a possibilidade de criação de linhagens dentro do seu vilarejo, como um interessante sistema climático.

Ao que dá a entender, “Land of the Vikings” vai além do seu “estoque comida quando estiver frio”, mas também trará eventos severos como tempestades de neve ou incêndios em temporadas mais quentes. Algo inovador? Não muito, mas ao menos requer uma participação mais ativa do jogador.

Outro ponto que me agrada muito é a inexistência de grids para a construção. Ou seja, construa onde bem entender. Isto é, levando em conta as necessidades da população, mas ainda assim é um ponto a mais depois de tantos anos convivendo com jogos que usam o típico sistema de grid.

A previsão é que “Land of the Vikings” fique entre um e dois anos em acesso antecipado para que todas as mecânicas sejam incluídas e polimento das presentes mecânicas. A Lap Games prevê que a versão inicial tenha em média 10h de conteúdo para o jogador. Um tempo considerável que provavelmente vai ser estendido de tanto que eu vou perder ou esquecer de estocar madeira para o inverno.

Veja o trailer meis recente abaixo:

“Land of the Vikings” entra em Early Access dia 8 de novembro

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.