Warlander

Você gosta de se sentir perdido no meio de um campo de batalha enquanto tudo explode a sua volta? Daquela sensação de zona que algum ponto vai fazer sentido e quem sabe a sua equipe vai sair vitoriosa? Então eu recomendo que você se registre via Steam no beta aberto de “Warlander” da Toylogic.

Previsto para sair oficialmente em dezembro com um modelo free-to-play, “Warlander” é um conceito igualmente interessante e assustador. O jogo gira em torno da defesa de um ou mais castelos e cada exército é separada em esquadrões que devem cumprir certas atribuições no campo de batalha. Em cima disso há toda uma camada de diplomacia que pode ser realizada entre os comandantes de cada exército.

Isto acontece mais no modo “5-army battle”, onde 100 jogadores são divididos entre 5 exércitos e seus comandantes precisarão criar alianças para sobreviverem até o final da partida. O modo secundário, “2-army battle”, é limitado em 40 jogadores. Ambos possuem o sistema de esquadrões.

Eu tive a oportunidade de jogar um pouco do modo “2-army battle” antes do lançamento do beta aberto e devo dizer que fiquei bastante empolgado. A receita de “Warlander” é simples na superfície, mas o seu grau de personalização de personagem – incluindo que tipo de habilidade usar no combate – cria uma sensacional versatilidade.

Um ótimo exemplo que posso dar é o “Centurion”, alto que só pode ser usada na partida quando o jogador subir de “nível” durante a partida ao fazer ações que vão de derrotar inimigos, defender torres ou atacar a base oponente.

Eu fui capaz de liberá-lo em uma das partidas, e ele é uma muralha que pode muito bem ajudar o avanço do seu exército ou prevenir o ataque do exército inimigo. Todavia, só um “Centurion” não vai segurar 20 jogadores, é preciso colaborar com outros membros da equipe para criar toda uma sinergia entre classes e estabelecer que tipo de tática deve ser usada.

Como eu tinha um representante da PLAION – que está publicando o “Warlander” – na nossa equipe, a coordenação pareceu natural e acabamos ganhando uma partida. Estou muito mais curioso para ver como isso vai se sair nas partidas de 100 jogadores e até que ponto o sistema de diplomacia vai de fato funcionar ou não.

Outro ponto que acredito que irá agradar muitos é a facilidade de aprendizado. A versão beta já conta com um tutorial que apresenta os conceitos básicos e é um jogo que você pode muito bem começar a jogar sem ter tanta experiência no gênero. Além do que, as batalhas duram no máximo 30 minutos e você ainda pode destruir muralhas com catapultas. Tem algo mais divertido que isto?

Para quem ficou interessado em participar do beta, basta acessar a página do jogo no Steam e clicar na opção “Solicite Acesso” como mostra a imagem abaixo:

Warlander

Trarei mais impressões sobre os dois modos de jogo ainda esta semana, então fique atento nas nossas redes para saber quando a matéria for ao ar! Por ora, fique com o trailer de anúncio:

Com batalhas até 100 jogadores, “Warlander” está em beta aberto

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.